quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Virtualmente (TUA)

Estas noites de chuva, são incrivelmente solitárias perco-me nos meus pensamentos enquanto o sono não chega e hoje parece que vai tardar a chegar … acendo a lareira e fico a contemplar o crepitar do fogo enquanto saboreio um vinho … (deixou-me levar pelos pensamentos até TI) … é então que o silencio é interrompido por bip que anuncia a chegada de uma mensagem … aproximo-me do PC … e

Começamos a falar sobre estas noites de chuvas, qual o melhor remédio para combater a melancolia que se instala … foi então que comecei a picar-te, a provocar-te. Descrevi como estava vestida ... pediste-me para ligar a web ... ao inicio hesitei um pouco mas lá acedi ao teu pedido ...
Liguei a web, por uns breves instantes ficamos em silêncio a contemplar-nos, depois de tantos meses, lá estávamos frente a frente ...
É verdade que o nosso reencontro não foi como imaginei, mas foi igualmente intenso como se estivéssemos juntos, deu para acalmar um pouco a saudade que tinha dentro de mim.

Continuamos com a provocação foi então que me propuseste um jogo, alinhei.

Disseste:
"Venda os olhos. Bebe um pouco de vinho, deixa-o derramar pela boca e escorrer pelo pescoço até aos peitos, deixa descair uma alça, mostra-me o peito. Passa o dedo humedecido no vinho no bico do teu peito em movimentos circulares e tenta chegar-lhe com a língua, lambe. Imagina a minha boca a lamber-te, a chupar-te.
Despe-te lentamente, entorna o vinho por ti deixa espalhar-se, quero vê-lo a escorrer ... dá-me prazer!!!!"

Ia fazendo tudo o que dizias e excitando-me. Sentia-me húmida, sedenta, pedi para continuares.

"Abre as pernas, baixa a câmara, mostra-me a tua gruta húmida, sedenta. Verte mais um pouco de vinho e espalha com o dedo. Acaricia-te, penetra com o dedo, bem fundo. Imagina que sou eu que te toco, que te penetro ... dá-te prazer, quero ouvir-te a gemer."



O meu corpo movia-se ao som da tua voz e cumpria todas as tuas ordens ... prazer!!! Ao mesmo tempo sentia, que te estava a dar muito prazer. Os teus olhos brilhavam, trincavas os lábios, podia sentir o teu desejo por mim ... estava completamente excitada, que mandei a ligação abaixo ... quando voltei já não estavas ... enviei-te uma foto ... e um pequeno smile ... fui.me deitar ...

Passado alguns minutos recebo uma SMS tua ...

4 comentários: