segunda-feira, 14 de julho de 2014

*** Olhares ***


Entre olhares discretos mas atrevidos dialogamos
Os teus olhos navegam pelas curvas do meu corpo
Inspirando a minha sensualidade
Despertando o meu lado mais selvagem
Aguças a minha vontade, o coração dispara
A mente divaga perdida nas nuances do teu olhar
Transponho a parca distância que nos separa
Envolvo-me no teu abraço, perco-me nos teus lábios, colo o teu corpo ao meu
Satisfaço este desejo ansioso
Este impulso incontrolável que sinto em mim
E (re)vejo refletido na intensidade do teu olhar

Sem comentários:

Enviar um comentário