terça-feira, 8 de abril de 2014

Arde em MIM


"Arde em mim, o desejo de tocar-te com dedos de seda e flor. De adentrar teu silêncio e tua alma, profanando teus segredos, decifrando-os com a minha língua ávida, faminta dos teus sabores.

Arde em mim, o desejo de horas partilhadas, sede e fome saciadas.

Arde em mim, o desejo de buscar-te na noite em que te guardas, arredio, da minha palavra.

Porque começo onde termina o teu silêncio.

E termino onde cala a tua voz."

(Míriam Monteiro)

Arde em MIM este desejo de me entregar a TI 
... no silêncio em que encontro o teu corpo em mim ...

Sem comentários:

Enviar um comentário