terça-feira, 18 de março de 2014

*** louCUra ***


Ele dobou-lhe o corpo, colocou-a de quatro, penetrou-a bem fundo na sua intimidade.
Ela estava de rabo bem espetado, totalmente aberta para ele e a excitação aumentava a cada estucada, ela sentia-se completamente preenchida por aquele sexo que devassava a sua intimidade mais escondida.
Ela gemia, gritava a cada estucada dele a excitação era tão grande que parecia que algo ia explodir dentro deles, as contracções dos seus corpos eram demasiado intensas que pareciam um só, num só movimento!
O orgasmo estava prestes a atingi-los com uma violência animal, e não havia nada que o pudesse retardar… e os seus corpos contorciam-se em espasmos de prazer que os enlouquecia e entre os seus gemidos soltavam-se gritos e os seus corpos suados caiam … rendidos sobre os lençóis amarrotados.   

4 comentários:

  1. Que loucura, mesmo! É tão bom sentir aqueles inícios do orgasmo e aquele momento em que já não conseguimos mais conter. O famoso momento sem retorno.

    ResponderEliminar
  2. Ui....que descriçao tao excitante que provocou uma "vontade" de dar uma estucada.....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E quando a "vontade" desperta .... ???

      Bacio
      Peccato

      Eliminar