terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Ao Rubro


Noites quentes 
Em que sozinha te imagino
E a cada toque meu
Sinto sem te ter!
*** o teu respirar ***
*** o teu cheiro ***
*** o teu corpo inteiro ***
*** o teu suor quente ***
Vejo-te sem estares!
***
Maldito desejo que dita a minha loucura
Em que sozinha te imagino em MIM 
Neste fogo que me consome
E em mim desperta esta vontade de TI

2 comentários: