quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

Derrama


Derrama em meus lábios o teu néctar quente em jactos de prazer ardente
Deixa-me saborear esse labirinto inebriante que adoça a minha boca
Derrama em MIM … por MIM … esse néctar quente nesta volúpia ardente

Sem comentários:

Enviar um comentário