quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Desejos [em mim]

Quero o teu olhar que me desnuda.
E em teus olhos a chama ardente do desejo que me enlouquece.
Essa chama que no meu corpo queima, como um vulcão em erupção e me faz perder a razão.

Chama quente e voraz, dos meus delírio, que neste desejo queima como fogo o meu corpo que chama por TI
E assim me entrego aos delírios deste desejo e o meu corpo em chamas pede o sabor da tua boca sedenta e voraz e a suavidade de tuas mãos, que deslizam pela minha pele, procurando os meus segredos mais íntimos.

E assim 
...Sou tua... 
completamente

Tua
[adaptado a mim]

Sem comentários:

Enviar um comentário