sábado, 2 de março de 2013

Apetece-me #10

Apetece-me ... eu em casa, reclinada no sofá, de camisola e cuecas e enrolada numa manta, com um livro no regaço. Ouvir o som da chave na fechadura, a porta abrir,os teus passos no corredor. Vens até à sala e olhas-me em contra luz, sorrio num sorriso que não vês, mas sei que sentes. Aproximas-te mais e ficas a olhar-me, só isso. A tua mão afasta a manta que me cobre e percorre as minhas pernas. Detém-se por momentos no interior da coxa e depois sobe, não já uma carícia, algo mais intenso. Reclino-me mais nas almofadas e abro as pernas num convite. Afastas as minhas cuecas e mergulhas a cabeça entre as minhas coxas. Solto um gemido quando a ponta da tua língua, quente e húmida me toca suavemente o clitóris. Levantas os olhos só um instante e lambes-me agora em toda a extensão. Degustas a minha excitação e provocas arrepios de prazer. As minhas mãos enredam-se no teu cabelo, puxam-te mais para mim, as minhas coxas sufocam-te quando o orgasmo chega e o bebes de mim. O meu corpo permanece arqueado e agora mais sensível, rapidamente atinjo um novo orgasmo. Deixas-me então liberta, sentas-te ao meu lado e beijas-me.


[Apetece-te??]

6 comentários:

  1. já não penso noutra coisa... descontrolas-me...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hummmm
      Não sabia que tinha esse poder ... o poder de te descontrolar :)

      Bacio
      Peccato

      Eliminar
  2. Um pecado com um toque de excelência e libertação. :)

    Beijos ternos
    Bela

    ResponderEliminar
  3. apetece...
    saciar a sede numa bela fonte...

    ResponderEliminar