quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Submissão

SUBMISSÃO ... uma modesta opinião, talvez errada talvez não ...

Submissão não é algo que se pode aprender, mas que nasce connosco.
Submissão não tem a ver com sexo, é sobre a sensualidade. 
Trata-se da confiança, comunicação, vulnerabilidade, carinho e honestidade. 
É saber quem somos, e o queremos. 
A submissa não é uma pessoa fraca, mas justamente o oposto. Ela é intensa, é forte em si mesma, e no conhecimento de quem é. 
NUNCA se sustenta de fraquezas ou de desespero, mas sim na sua força, amor e confiança. 
É a liberdade. É o desapego de si mesma, sabendo que seu Senhor estará sempre atento se vacilar. Trata-se de querer ser o melhor possível, não só como uma submissa, mas como uma mulher, uma pessoa, um ser humano. Trata-se de aprender, crescer e dar. 
Uma submissa é aquela que se entrega ao seu SENHOR. E supostamente dá tudo o que ela é, apesar de que eu ainda pensar que ... Ela pode dar o seu coração, seu corpo, e até mesmo alguma da sua essência ... Alma, mas ela não pode negar seus sentimentos, suas necessidades e sua personalidade. Ela deve ser forte em quem ela é... A fim de deixar em pé os pilares que a mantêm vinculada a si mesma. Ao ser desta forma, ela pode se sujeitar a outra, sendo esta uma fonte de força, confiança e integridade.

4 comentários: