terça-feira, 18 de setembro de 2012

Toques ...




No fim de cada entrega, sente-se o cheiro do prazer, o calor da paixão nos lençóis. Lençóis que serviram de palco para mais um acto de uma peça, de uma peça que faz parte de uma história de amor,
Cada toque dos teus dedos no meu corpo, resultam tal qual os dedos de um pianista no seu órgão, cada toque é uma nota de música, que forma melodia e transparente.
Uma música suave, que nos entra no corpo, que nos hipnotiza e nos faz caminhar nas teclas do amor.
Cada passo dado é uma prova de carinho, de amor e são por ti esses passos que dou, Caminho de encontro a uma ilusão, na esperança de se tornar a realidade do meu sonho.
Acordo
Acabou-se a entrega, terminou o acto, mas nunca a peça. Essa continua. Os toques permanecem vivos no meu corpo, tal como como as teclas permanecem no piano daquele pianista.
Ficou o cheiro do nosso amor, a saudade do teu beijo, o toque suave dos teus dedos no meu corpo, que percorrem com ternura, um toque de ternura misturado com paixão. O meu íntimo torna-se num fogo difícil de se extinguir.
Toca-me uma vez mais ....


2 comentários: