terça-feira, 21 de agosto de 2012

Por razões que desconheço ...


“Por razões que desconheço, nossas aproximações foram sempre pela metade. Interrompidas. Um passo para a frente e cem para trás. Retrocessos. Descaminhos. E me pergunto se, quem sabe um dia, na hora certa, nosso encontro pode acontecer inteiro.”
Caio F. de Abreu 


[Quem sabe um dia possa acontecer]

Sem comentários:

Enviar um comentário